Vídeo chocante mostra resgate de lutador de jiu-jítsu baleado na testa

31

Novas imagens registraram o momento do resgate do lutador Leandro Lo, multicampeão mundial de jiu-jítsu e um dos maiores nomes da modalidade. Ele foi baleado por um policial militar de folga com um tiro na cabeça durante uma festa no Clube Sírio, em São Paulo, na madrugada deste domingo (7/8). Lo chegou a ser levado ao Hospital Municipal Dr. Arthur Ribeiro de Saboya, mas teve morte cerebral informada pelo advogado da família.

O vídeo mostra o desespero de pessoas que tentavam abrir caminho para que as equipes de resgate do Corpo de Bombeiros conseguissem transportar o lutador, que estava imobilizado em uma maca. Uma mulher chegou a perder o equilíbrio ao tentar ajudar a abrir caminho.

Apontado com responsável pelo crime, o policial militar Henrique Otávio de Oliveira Velozo acertou um tiro na têmpora esquerda do lutador após uma briga. De acordo com o boletim de ocorrência obtido pela coluna, após a discussão, o policial pegou uma garrafa de vidro e partiu para cima do lutador.

Socorro

Leandro Lo foi socorrido e encaminhado para o Hospital Municipal Saboya, no Jabaquara, também na zona sul da capital paulista.

De acordo com o advogado de Lo, Ivã Siqueira Júnior, ele teve a morte cerebral confirmada pelo Hospital Municipal Dr. Arthur Ribeiro de Saboya, para onde foi levado.

Trajetória

O atleta Leandro Lo foi campeão mundial de jiu-jítsu oito vezes. Recentemente, em seu Instagram ele destacou as vitórias mundiais nas categoria meio pesado, em 2022, e peso leve, em 2012.

Nascido em São Paulo, o atleta também ganhou competições de jiu-jítsu como Copa do Mundo, Pan-Americano e campeonato brasileiro.

Autor do crime

O policial militar Henrique Otávio Oliveira, suspeito de atirar no campeão mundial de jiu-jítsu Leandro Lo, se entregou à polícia no final da tarde. De acordo com o delegado Osvaldo Nico Gonçalves, ele se apresentou à 17ª Delegacia Policial, no Ipiranga, na Zona Sul, após ter sua prisão preventiva decretada pela Justiça.

A Secretaria de Segurança Pública do Estado confirma que ele prestou depoimento e deverá ser conduzido ao presídio militar Romão Gomes.

Veja vídeo do resgate do lutador:

Fonte: Metrópoles

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui